Alcindo Batista¹

Comida livre de agrotóxicos, e para quem mais precisa. Em novembro, o programa da FASE em Mato Grosso deu início à doação de mais de 2.500 cestas agroecológicas a famílias em situação de vulnerabilidade social do estado. O objetivo é apoiar a agricultura familiar local, na ação da campanha “Brasileiros pelo Brasil”, uma iniciativa da Fundação Banco do Brasil.

Cidinha Moura, coordenadora regional da FASE, conta que “é muito gratificante poder contribuir com as pessoas em situação de insegurança alimentar. A parceria da FASE com a Fundação Banco do Brasil possibilitou esta ação”. Além disso, Cidinha relembra a importância da articulação com a rota de comercialização Caminhos da Agroecologia, fornecedora dos alimentos.

Vale destacar que a FASE conta com o apoio de diversos parceiros que ajudam a distribuir as cestas. Em Cáceres, um destes é a Paróquia São Sebastião, de responsabilidade Pe. Orlando Tito, que agradeceu a contribuição e a confiança no trabalho da igreja. “As famílias também agradecem a todos os agricultores, pois sem eles os alimentos não chegariam à mesa dos brasileiros”, pontuou.

Já na cidade de Porto Esperidião, o apoio é dado pelos fiéis da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. Irmã Claudete Mantovani conta que “o Brasil atualmente vive marcado pela fome. Essa doação de alimentos tem sido importante para auxiliar muitas pessoas a terem o direito fundamental à alimentação”, diz.

[1] Estagiário, sob supervisão de Claudio Nogueira.